Descubra se é possível e como aumentar a inteligência

“Afinal, como aumentar a inteligência?” Se essa pergunta não sai do seu dia a dia, nós temos uma ótima notícia! 

Neste conteúdo, primeiramente, você vai descobrir que: sim, é possível aumentar a capacidade do cérebro infinitamente. 

E, claro, vamos passar algumas dicas práticas que levam à melhoria — e olha que são bem práticas mesmo. Tarefas simples do dia a dia podem te deixar bem mais inteligente. 

Depois, basta aplicar toda o potencial no trabalho, nos estudos, nas relações interpessoais, enfim. Os ganhos são inestimáveis!

Então, continue por aqui e descubra tudo sobre o assunto!

É possível mesmo aumentar a inteligência? 

O fato é tão interessante que, muitas vezes, parece mentira. Mas, fique tranquilo, porque dá para aumentar a inteligência, sim!

Ao contrário de alguns outros aspectos do corpo — como o crescimento, por exemplo — o cérebro continua evoluindo na fase adulta. 

Só que, o caminho para isso depende de alguns esforços. Apenas ter a vontade de ficar mais inteligente não adianta. 

Isso significa que, dependendo do caso, você vai precisar mudar um pouco seus hábitos. Quem não tem um estilo de vida saudável, sem dúvidas, vai precisar repensar a rotina. 

O bom é que as mudanças dão bons frutos. Os costumes saudáveis fazem bem para o corpo todo, não só para mente. E como consequência, aumentam a qualidade e expectativa de vida. 

Como aumentar a inteligência?

Chegou o momento de, finalmente, saber como aumentar a inteligência. 

Todas as medidas que separamos estimulam o cérebro de diferentes formas. Mas o resultado é sempre o mesmo: mais inteligência. 

Leia mais livros 

A leitura é uma prática que só traz benefícios. Enquanto você lê, o seu foco, a sua concentração e, até mesmo, a sua imaginação são aprimorados. 

Muito além disso, ler faz com que o cérebro aprenda novas palavras e expressões. Outro grande benefício é a aprendizagem de culturas e visões de mundo diferentes. 

Mas, afinal, o que ler? Aquilo que for mais prazeroso para você!

Todo tipo de conteúdo (jornal, literatura, gibi, blogs, etc.) fazem muito bem. Inclusive, é importante que a leitura seja prazerosa, assim, fica mais fácil praticar. 

Então, separe alguns minutos por dia e exercite seu cérebro entre palavras!

como aumentar a inteligência

Faça meditação

A meditação também é excelente para a saúde do cérebro. A prática milenar chinesa melhora o foco e a concentração. 

Mais do que isso, consegue reduzir até os sintomas da depressão e da ansiedade. Outra vantagem foi comprovada por uma pesquisa dos Estados Unidos. 

A Universidade Estadual do Michigan, em 2019, comprovou que a meditação ajuda a reduzir erros no trabalho

Para chegar a essa conclusão, os pesquisadores monitoraram (por meio de eletroencefalografia), o cérebro de alguns pacientes. 

O resultado foi a maior precisão em tarefas, graças à melhora do que os pesquisadores chamaram de “sinal neural” (um processo comum da mente).

Faça exercícios físicos 

Impossível falar sobre como aumentar a inteligência sem citar os exercícios físicos. 

Mexer o corpo proporciona muitos benefícios, também, à mente — mais especificamente, à capacidade de cognição do cérebro (receber estímulos visuais, sonoros, táteis) e transformá-los em novas informações. 

Além disso, a atividade física gera a liberação de hormônios do bem-estar, como a serotonina e a endorfina. 

E, aqui, vale a mesma regra da leitura. Ou seja, pratique o exercício que realmente te interessa. Pode ser futebol, vôlei, pilates, patinação, corrida, jump, enfim. 

O importante é se exercitar e, assim, fazer novas descobertas sobre como aumentar a inteligência! 

exercício físico

Tenha uma boa noite de sono 

De nada adianta exercitar o cérebro, se você não dormir bem. Sim, isso mesmo… Todas as práticas anteriores podem ir por água abaixo, quando o sono não é suficiente. 

Isso porque o sono tem um papel restaurador no organismo como todo. Ele faz com que o corpo descanse e, ainda, ajuda o cérebro a guardar novas informações. 

Sendo assim, tudo o que você aprende, durante o dia, é realmente fixado durante as noites de sono. 

Então, procure dormir bem todas as noites, de modo que você acorde descansado no dia seguinte. 

Caso tenha dificuldades nesse sentido, vale fazer a chamada higiene do sono. Deixe os aparelhos eletrônicos de lado (até uma hora antes de deitar) e tome um banho relaxante. 

Outros ótimos recursos são alguns chás e a própria meditação. 

Utilize remédios específicos 

Hoje em dia, existem remédios para inteligência, também conhecidos como “smart drugs”. 

Eles são compostos de substâncias que melhoram o sistema cognitivo, como: cafeína, Huperzine A, Fosfatidilserina e Pregnenolona. 

Assim, quem utiliza essas substâncias sente a melhora em relação a: assimilação de informações, foco, memória, concentração, raciocínio e mais. 

Os remédios inteligentes podem ser encontrados em farmácias de manipulação (espalhadas por todo o Brasil). Não é preciso apresentar receita médica para a compra. 

Tudo o que você precisa saber para aumentar a sua inteligência, você encontra na Dr, Inteligente!

Conclusão

Neste conteúdo, nós falamos sobre como aumentar a inteligência. As ações, em maioria, são mais simples do que se imagina. 

Citamos as seguintes dicas: 

  • leitura;
  • meditação;
  • prática de atividade física;
  • boas noites de sono;
  • uso de medicamentos (“smart drugs”). 

Tudo isso, em conjunto, é capaz de melhorar: foco, memória, assimilação de informações, raciocínio, interações sociais, dentre outros pontos importantes. 

Além disso, algumas medidas melhoram a saúde, no geral. As atividades físicas, por exemplo, dão mais disposição e condicionamento físico. Em alguns casos, podemos aliar todas essas medidas com o biohack.

Não deixe de repensar e, se preciso, mudar seus hábitos! Os ganhos são para o presente e, claro, para a vida toda. 

Tenha muito mais sucesso nos estudos, no trabalho e na esfera pessoal!  

Você que gostou deste conteúdo, continue aqui no blog do Dr. Inteligente! Constantemente, trazemos novas informações sobre como aumentar a inteligência e sobre o uso de nootrópicos. Confira nosso guia completo!